Mais de 55 mil alunos do RN foram contemplados no Programa Pé-de-Meia
Natal, RN 25 de mai 2024

Mais de 55 mil alunos do RN foram contemplados no Programa Pé-de-Meia

26 de março de 2024
6min
Mais de 55 mil alunos do RN foram contemplados no Programa Pé-de-Meia
Equipe que representou o RN no evento em Brasília | Foto: reprodução MEC

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Mais de 55 mil estudantes do Rio Grande do Norte foram contemplados no Programa Pé-de-Meia, do Governo Federal. O programa do Ministério da Educação (MEC) é um incentivo financeiro e educacional, na modalidade de poupança, com o objetivo de promover a permanência e a conclusão escolar dos estudantes no ensino médio público.

Os dados dos estudantes foram enviados pela Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC) e eles foram selecionados pelo Ministério da Educação. Inclusive, os dados do programa continuam sendo atualizados e conforme as matrículas forem andando, mais alunos do RN poderão se beneficiar do programa. 

Na cerimônia realizada para anunciar o pagamento da primeira parcela, que aconteceu nesta segunda (25), três alunos do Rio Grande do Norte estiveram no evento, realizado no Palácio do Planalto, em Brasília. Lara Myrelly, da escola estadual Professor José de Freitas Nobre, em Mossoró, Manuely Tauane, da escola estadual Doutor Mauro Medeiros, em Parelhas, e Keydsson Gabriel, da escola estadual Professora Crisan Simineia, em Natal, estiveram ao lado do Presidente Lula, da primeira-dama Janja, do ministro da Educação, Camilo Santana, e do presidente da Caixa, Carlos Vieira.

A Agência Saiba Mais conversou com os três jovens que representaram o estado na cerimônia em Brasília. Lara Mirelly contou que adorou a viagem e que desejava fazer isso mais vezes. A estudante, que está no segundo ano do ensino médio, comenta que a poupança que vai receber ao concluir o ensino médio, poderá servir para auxiliar custos como a tão sonhada faculdade. 

“A minha experiência de sair da minha cidade natal e ir para Brasília foi muito boa. Eu amei a viagem e me surpreendi bastante com Brasília. Eu achei muito gratificante ter ido. E o programa vai me ajudar bastante, no sentido de tanto fazer um curso, quanto se eu precisar também ajudar em casa, pois a minha mãe, infelizmente, tem uma clavícula e um antebraço quebrado e não pode trabalhar. Então a gente está passando por bastante necessidade em casa.”, desabafou. 

“Então esse programa vai ajudar bastante nos próximos anos. Como fica uma boa quantia na poupança, até a conclusão do ensino médio vai me ajudar futuramente para uma faculdade ou um curso.”, finalizou a estudante. 

Keydsson Gabriel, que também esteve em Brasília e discursou ao lado de Lula, disse que já pensou em abandonar os estudos para ajudar a avó em casa. No discurso, Gabriel disse que fez uma promessa para continuar o ensino médio e agora vai ser possível continuar com o sonho. m tá O jovem, que está no segundo ano do ensino médio e estuda no Crisan Simineia, no bairro Lagoa Azul, na Zona Norte, comentou da importância do projeto para conseguir continuar estudando. 

Keydsson e Manuely discursaram ao lado de Lula | Foto: reprodução/MEC

“O projeto vai me ajudar muito porque eu já pensava em trabalhar para ajudar minha avó. Sempre fomos dependentes das ações do governo. Minha avó e eu vivemos do Bolsa Família então, o programa Pé-de-Meia só vai fazer com que eu não deixe meus estudos e ainda consiga ajudar em casa”, desabafou.

Manuely Tauane, está no 3° ano do ensino médio e estuda em Parelhas, para ela, poder viajar e encontrar o presidente foi uma experiência que a deixou com brilhos nos olhos. “Eu vivenciei momentos que jamais serão apagados da minha memória! Esse programa me deixa com uma esperança enorme sobre o futuro desse lindo país. Investir nos jovens e na educação deles é algo primordial para o futuro de todos!”, desabafou a estudante que também discursou ao lado do Lula. Para Manu, o dinheiro não vai só ajudar, ele vai trazer mais mudanças. “Esse programa veio como uma benção em minha vida e na vida de milhares de brasileiros. Sou imensamente grata ao governo, eles me fizeram realizar um sonho que eu só sabia que tinha quando vivi e presenciei. Não trocaria por nada”, desabafou. 

Confira o discurso de Gabriel e Manu na cerimônia: créditos: Lara Mirelly

Benefício visa diminuir a desigualdade social no país

Infelizmente, abandonar os estudos para poder ajudar os pais é uma realidade que ainda existe no país. Tanto é, que um dos principais objetivos do MEC é acabar com o abandono e a evasão escolar, que acontecem quando os alunos ou abandonam o ano letivo ou nem sequer chegam a se matricular. 

Já nesta terça-feira (26), começam os pagamentos das primeiras parcelas do programa no valor de 200 reais, como forma de incentivar a realização das matrículas escolares. Vão receber os estudantes que nasceram em janeiro e fevereiro, seguindo o calendário de pagamentos que serão de acordo com o mês de nascimento dos alunos. O dinheiro vai cair em contas digitais, no nome dos próprios estudantes, que foram abertas de forma automática pela Caixa Econômica Federal. O Mec cruzou informações do cadastro único para abrir as poupanças, e por causa disso, os estudantes contemplados com o benefício têm que possuir CPF e estar cadastrado no CadÚnico. 

Ao realizar a matrícula no início de cada ano letivo, o discente vai receber uma parcela única no valor de R$200. Em seguida, serão pagas 9 parcelas mensais, também de R$200, desde que os alunos tenham 80% de frequência nas aulas. 

Esses valores poderão somar até 2 mil reais anuais por beneficiário. Ao fim dos 3 anos de ensino médio, o estudante pode chegar a receber R$9.200. Isso porque, após a conclusão de cada ano do ensino médio, o aluno vai receber um bônus de R$1.000, também pago em parcela única. Além disso, aqueles que estiverem no 3° ano do ensino médio poderão receber um valor extra de R$200, se participarem do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Saiba + sobre o Programa: https://saibamais.jor.br/2024/03/estudantes-do-rn-ja-podem-consultar-se-estao-na-lista-do-pe-de-meia/

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.