UFRN recebe regional do maior congresso de comunicação da América Latina
Natal, RN 20 de mai 2024

UFRN recebe regional do maior congresso de comunicação da América Latina

24 de abril de 2024
5min
UFRN recebe regional do maior congresso de comunicação da América Latina
Imagem: Cícero Oliveira – Agecom/UFRN.

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Intercom, que leva o nome da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, é considerado o maior congresso de comunicação da América Latina. Ele é dividido em duas etapas: no primeiro semestre do ano, acontece de forma regional nas cinco regiões do país; já no segundo semestre, ocorre a etapa nacional. Este ano, o Intercom Nordeste acontece no Departamento de Comunicação Social (Decom) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), entre os dias 8 e 10 de maio. A edição 2024 do congresso debate o tema “Comunicação em tempos de inteligência artificial: ampliação ou redução das desigualdades sociais?”.

A professora Valquíria Kneipp, do Decom/UFRN, ressalta a importância da temática do evento. “A inteligência artificial é a temática do momento, então estamos fazendo grandes questionamentos: se é boa, se é ruim, e como ela se desenvolve na área da comunicação”, explica.

A discussão sobre inteligência artificial e comunicação inicia já na mesa de abertura do evento, que vai abordar “Os impactos da IA e das tecnologias algorítmicas na comunicação”, e acontece no dia 08 de maio, às 10h, no Auditório da Reitoria da UFRN. O debate tem como convidados especiais Fernanda Carrera, professora da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Paulo Faltay, pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco (PPGCom/UFPE). Na mediação, estará Manu Freitas, professora substituta do curso de Audiovisual da UFRN. Antes, acontece uma apresentação cultural, às 9h.

No mesmo dia 08, acontecem ainda as sessões de apresentação dos trabalhos finalistas do prêmio Exposição da Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom). A premiação tem como objetivo reconhecer os melhores trabalhos experimentais produzidos por estudantes de comunicação. Ao todo, será selecionado um trabalho de cada região para ir à etapa nacional do Expocom. Kneipp ressalta que a premiação demonstra que o Intercom abrange diferentes públicos: “Não é um congresso só de professores e pesquisadores, mas também dos estudantes”, afirma.

O Intercom Nordeste 2024 conta com uma variada programação de debates, oficinas, apresentações culturais e grupos temáticos. Para apresentação de trabalhos científicos, a atividade terá 16 Grupos de Trabalho (GTs), que abordam temas como audiovisualidades negras; comunicação, cultura e internet; comunicação e semiárido; desinformação, educação midiática e fact-checking. A partir deste ano, os GTs aceitam trabalhos de pesquisadores desde a graduação.

Abordando temas como direitos humanos, antirracismo e Big Techs na comunicação, o Intercom Nordeste conta ainda com 18 oficinas e 10 workshops, que se estendem a áreas como cinema, marketing, esportes e mídias alternativas. As capacitações serão realizadas na quinta-feira (09), das 18h às 21h00; e na sexta-feira (10), das 9h às 12h. Entre os ministrantes estão Ana Maria da Conceição Veloso, professora dos cursos de Jornalismo; Publicidade; Rádio, TV e Internet da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); e Jadeanny Arruda dos Santos, pesquisadora de Comunicação Midiática.

Há ainda o Fórum Ensicom, um espaço para troca experiências relacionadas ao ensino comunicacional, e a Jornada de Extensão, que tem como proposta estimular o intercâmbio de conhecimentos e metodologias empregados em ações extensionistas. Podem participar professores coordenadores ou integrantes de equipes executoras de projetos de extensão. 

Já a Mostra de Oportunidades em Comunicação abrange produtos e serviços desenvolvidos por estudantes nos cursos de graduação e mestrado profissional. Estarão presentes empresas e organizações da área de comunicação.

Uma novidade que o evento vai receber é o Prêmio Sebrae de Jornalismo, conta Kneipp. “Trata-se de um prêmio nacional que premia jornalistas de várias categorias – como rádio, televisão, impresso, internet – e pela primeira vez vai aceitar trabalhos de estudantes”, diz a professora.

No prêmio, poderão concorrer à categoria especial Jornalismo Universitário as matérias e reportagens publicadas em veículo laboratório de universidades (nas modalidades Texto, Áudio, Vídeo ou Foto) que tenham sido veiculadas a partir de 05 de junho de 2023 até 02 de junho de 2024. 

Intercâmbio de conhecimentos

A professora Kneipp afirma que o fato da UFRN sediar o regional do Intercom neste ano pode trazer um momento muito importante para discutir a pesquisa em comunicação que vem sendo realizada no Nordeste. “Vamos ter intercâmbio de informações, de pesquisa. Vamos conhecer o que os pesquisadores de todo o Nordeste estão pesquisando. Então é um momento de muito networking para pesquisadores e estudantes”.

Ela ainda explica o motivo do Intercom ser considerado o maior congresso de comunicação da América Latina. "Ele une todas as áreas da comunicação, como relações públicas, jornalismo, publicidade, audiovisual, comunicação institucional e áreas afins. Então une todas as especificidades da comunicação social e por isso é tão grande", ressalta.

Intercom Nordeste será presencial

Apesar da greve dos docentes da UFRN, que iniciou na última segunda-feira (22) e que se somou à paralisação dos técnicos administrativos, em greve desde 14 de março, o Intercom Nordeste será realizado na modalidade presencial.

Kneipp ressalta que a decisão foi tomada pensando na quantidade de inscritos que o evento recebeu. “Tem muita gente que já comprou passagem, reservou hotel, além de que têm ônibus que vêm de outras federais com estudantes”, explica.

Mais de 1.200 pessoas dos nove estados do Nordeste se inscreveram para participar do evento. Mais informações podem ser conferidas no site oficial ou no perfil do congresso no Instagram.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.