MDB aposta em Geraldo Melo para compor Senado com Garibaldi
Natal, RN 20 de jun 2024

MDB aposta em Geraldo Melo para compor Senado com Garibaldi

18 de abril de 2018
MDB aposta em Geraldo Melo para compor Senado com Garibaldi

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Enquanto o governador Robinson Faria tenta atrair o PSDB pela boca, em jantar servido hoje à noite na casa do deputado federal Fábio Faria, em Brasília, com presenças de Geraldo Alckmin, Gilberto Kassab, Rogério Marinho e Ezequiel Ferreira de Souza...

o MDB dá como certa a aliança com os tucanos na chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT).

Nos bastidores, a aliança está fechada.

No melhor estilo "as voltas que a vida dá", Garibaldi Alves editaria uma dobradinha com Geraldo Melo, que se filiou recentemente ao PSDB após deixar o MDB, magoado com o tratamento que vinha recebendo do Partido.

A questão é matemática. A cúpula do MDB acredita que o eleitor de Garibaldi não teria dificuldade em votar em Geraldo Melo para a segunda vaga, e vice-versa.

Sobraria então para o senador José Agripino Maia (DEM), que precisa manter o foro privilegiado a todo custo e, a cada dia, vê mais dificuldades em se consolidar numa chapa eleitoralmente viável.

A chapa encabeçada por Carlos Eduardo Alves com Garibaldi e Agripino Maia é considerada "pesada" e chegou a ser batizada de "chapa Lava-jato", em razão das investigações no STF envolvendo os dois senadores.

As pesquisas de intenção de voto para o Senado mais recentes apontam que a disputa vai ser acirrada e estaria, hoje, entre a deputada federal Zenaide Maia (PHS), que desponta na preferência dos eleitores, e os atuais senadores Garibaldi Alves (MDB) e José Agripino (DEM).

Três candidatos para duas vagas.

Geraldo Melo, que apareceu bem nas pesquisas para o Governo do Estado, à frente até de Robinson Faria, embolaria ainda mais a corrida.

Ex-governador do Estado e ex-senador, Geraldo Melo está com 83 anos e chegaria ao fim de um eventual mandato com 91.

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.