TRANSPARÊNCIA

Sinte-RN vai pedir na Câmara abertura de investigação do uso de recursos da merenda pela Prefeitura do Natal

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte (Sinte-RN) anunciou que pretende formalizar na Câmara Municipal de Natal um pedido para que os vereadores abram uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar o uso de recursos da merenda escolar pela gestão do prefeito Álvaro Dias (PSDB) na pandemia.

O encaminhamento foi aprovado em assembleia geral nesta quarta-feira (28). Um texto está sendo elaborado pela assessoria jurídica do sindicato e será apresentado aos vereadores em breve.

“A Prefeitura adiou o início das aulas por falta de merenda. Os CMEIs estão liberando as crianças às 10h porque o recurso para a merenda está incompleto. Além disso só duas cestas foram entregues no ano passado. Queremos saber o que está sendo feito com o recurso da merenda”, explicou o coordenador geral do Sinte-RN, o professor Bruno Vital.

O encontro dos profissionais também deliberou que o indicativo de greve está mantido e a possibilidade de paralisar as atividades por tempo indeterminado será reavaliada no dia 4 de agosto.

Até lá, o sindicato vai continuar visitando escolas e CMEIS da Rede Municipal para reunir informações e fotos que comprovem as precárias condições dos prédios. A intenção é demonstrar que a volta às aulas presenciais antes da imunização completa com as duas doses da vacina, sem os protocolos sanitários e infraestrutura adequada representa expor professores, demais funcionários e estudantes aos riscos da covid-19.

 

Com informações do Sinte/RN.

 

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais