CULTURA

Eles poderiam estar vivos: veja documentário que mostra como Bolsonaro atuou para disseminar a covid-19 no Brasil

Já está disponível gratuitamente no Youtube o documentário “Eles poderiam estar vivos”, dos irmãos Lucas e Gabriel Mesquita. O longa-metragem foi lançado às 21h da quinta-feira (22) e apresenta depoimento do jornalista potiguar Matheus Magalhães, sobre o pai, Ivanildo Pereira Magalhães, vítima da covid-19.

“Eles Poderiam Estar Vivos” mostra como o comportamento do presidente da República, Jair Bolsonaro, contribuiu para o agravamento da crise sanitária durante a pandemia. A obra destaca mentiras sobre a doença, as medidas de prevenção e a vacina, além de prevaricação e corrupção na compra de imunizantes e ainda a obsessão por promover medicamentos sem eficácia.

O vídeo apresenta relatos de profissionais da saúde e familiares de vítimas. Parte do documentário foi gravada nos bastidores da CPI da Covid. Dali surgiram depoimentos de políticos como do senador Jean Paul e deputada federal Natália Bonavides, ambos do PT-RN.

A produção é parceria do Grupo Prerrogativas e da produtora Mangueio Filmes e contou com apoio do público por meio de financiamento coletivo. O lançamento teve também pré-estreias presenciais em três cidades: São Paulo (na PUC); Brasília (na Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília) e em Vancouver (Canadá), na University of British Columbia.

Confira o documentário:

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais