Museu Câmara Cascudo ganha cápsula do tempo nesta segunda, 22
Natal, RN 24 de mai 2024

Museu Câmara Cascudo ganha cápsula do tempo nesta segunda, 22

22 de abril de 2024
3min
Museu Câmara Cascudo ganha cápsula do tempo nesta segunda, 22
Evento de de lançamento da cápsula do tempo. Imagem: Reprodução/MCC,

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A Organização Atitude Social e Ambiental (OASA) e o Museu Câmara Cascudo (MCC) instalaram, na manhã desta segunda-feira (22), uma cápsula do tempo com mensagens que serão abertas somente daqui a cinquenta anos, em 2074, quando serão lidas cerca de trezentas cartas enviadas por representantes da sociedade potiguar. O projeto prevê, ainda, uma cápsula virtual com mensagens em vídeo que também só serão visualizadas em 2074.

Com uma estrutura em granito, a cápsula do tempo é instalada exatamente no Dia Internacional da Terra, em uma área do Parque do MCC. A peça foi criada especialmente para o projeto pelo arquiteto Nilberto Gomes de Sousa e desenvolvida em parceria com as empresas Mármore LTDA e AçoArte. 

No local, haverá espaço para tubos onde serão guardadas as cartas escritas por representantes de comunidades indígenas, quilombolas, de terreiros, além de crianças da rede pública, professores, representantes do poder público e de entidades privadas.

Parceria

A iniciativa do projeto partiu da OASA, entidade que atua com ações de sustentabilidade na região metropolitana de Natal e no interior do Rio Grande do Norte. A principal ação do grupo é a produção de mudas em viveiros nos municípios de Extremoz e Assu, produzindo cerca de dez mil mudas de plantas nativas para uso em projetos de reflorestamento. A preocupação com a sustentabilidade trouxe reflexões sobre o futuro da sociedade, o que resultou na ideia da cápsula do tempo.

O Museu Câmara Cascudo atua no projeto com o objetivo de preservar o passado para promover reflexões sobre a contemporaneidade e contribuir para traçar as perspectivas do futuro. No espaço estão presentes acervos de Paleontologia, Arqueologia e Etnologia, que conservam e remontam às mais antigas eras geológicas e representam a ocupação humana desde períodos pré-coloniais aos tempos mais recentes. O MCC atua também na área dos estudos ambientais, com pesquisas e projetos nos campos de sustentabilidade e educação ambiental no Parque do Museu, uma área verde de quase sete mil metros quadrados no bairro do Tirol.

Visitações

O evento de lançamento da cápsula do tempo que acontece na manhã desta segunda (22) é fechado para convidados. No entanto, a visitação às instalações da cápsula será aberta ao público. 

A ação tem o apoio do Governo do RN, Mármore LTDA, Scatec, Atmosfera Design, Sindicato dos Docentes da UFRN-Adurn, Caurn, 2A Publicidade, Prima Ambiental e Açoarte. 

O Museu Câmara Cascudo funciona na Avenida Hermes da Fonseca, 1398, bairro Tirol, de terça-feira a sábado, das 8h30 às 12h e das 13h às 16h.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.