Dia da Visibilidade: conheça ambulatórios para pessoas trans no RN
Natal, RN 5 de mar 2024

Dia da Visibilidade: conheça ambulatórios para pessoas trans no RN

29 de janeiro de 2024
7min
Dia da Visibilidade: conheça ambulatórios para pessoas trans no RN
Foto: reprodução Instagram

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Na data em que se comemora o Dia Nacional da Visibilidade Trans e Travesti, o Rio Grande do Norte possui ao menos cinco ambulatórios que atendem esta população no estado. São serviços ofertados por universidades públicas, Prefeitura e Governo, com focos amplos na comunidade LGBT ou direcionados somente à população trans e travesti. Confira:

Ambulatório Transexual e Travesti da Prefeitura de Natal

O Ambulatório Transexual e Travesti Natal, da Secretaria Municipal de Saúde, está situado na Avenida Nascimento de Castro, 2024, em Lagoa Nova. No local, há atendimentos em saúde para mulheres e homens trans, pessoas não binárias e travestis. 

Lá, são ofertados os cuidados em clínica médica, psiquiatria, psicologia e enfermagem. Para ter acesso, basta ter residência em Natal, possuir cartão SUS e ser maior de 18 anos. Não existe fila de espera, e os agendamentos são feitos via Instagram, e-mail ou celular.

“Hoje as nossas principais demandas são de acompanhamento clínico na hormonização e os cuidados com a saúde mental”, explica a coordenadora Cléa Patrícia Pereira dos Santos.

O atendimento é feito de segunda a quinta-feira, no horário das 8h30 às 16h30, e na sexta-feira das 8h às 12h.

Local: Avenida Nascimento de Castro, 2024, Lagoa Nova

Horários: De segunda a quinta, das 8h30 às 16h30, e na sexta-feira das 8h às 12h

Como marcar: Instagram (@ambulatoriott), e-mail (ambulató[email protected]) ou celular (84 98846-3997)

Ambulatório Estadual de Saúde Integral para a População Transexual e Travesti do RN - Murilo Gonçalves

A unidade, administrada pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesap), oferece atendimento multidisciplinar, acolhimento e cuidado às pessoas que estão em processo de transição de gênero. 

O ambulatório conta com as especialidades de ginecologia, serviço social, psiquiatria, psicologia, mastologia, proctologia, urologia, enfermagem, dermatologia, cardiologia, reumatologia, ortopedia, nefrologia, infectologia, terapia ocupacional e nutricionista.

Foto: Sesap/Assecom

Ele funciona na Clínica do Instituto Medicina Tropical, no bairro das Quintas, em Natal, e tem parcerias da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e com a Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh), que, além de oferecer suporte especializado e capacitação para os profissionais da unidade, também realiza a ponte entre o paciente e a Rede de Apoio.

Os atendimentos são nas segundas-feiras à tarde, a partir das 14h, e quartas pela manhã, a partir das 8h.

Local: Clínica do Instituto de Medicina Tropical, na Rua Cônego Monte, 300, Bairro das Quintas, ao lado do Hospital Giselda Trigueiro

Horários: Segunda à tarde, a partir das 14h, e quarta pela manhã, a partir das 8h.

Como marcar: No próprio local ou através do telefone (84) 98132-6220

Ambulatório LGBTT+ da Uern

O Ambulatório LGBTT+ da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) funciona na Faculdade de Enfermagem (Faen), com atendimento nas quartas-feiras, a cada 15 dias, oferecendo um espaço de atenção, escuta e atendimento especializado para lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis, queer, intersexo e assexuais, dentre outras orientações e identidades de gênero. A unidade foi a primeira do Rio Grande do Norte a ofertar este tipo de serviço.

O espaço disponibiliza atendimentos interprofissionais, atendimentos de nutrição, fisioterapia, psicologia, medicina, terapia hormonal transexualizadora, realização de testagem rápida para IST; coleta de preventivo ampliado, envolvendo os núcleos de enfermagem e serviço social. Há também atendimentos preventivos na área odontológica.

Lucídio Clebeson, coordenador da residência multiprofissional da UERN, explica que o ambulatório nasceu em 2019, mas começou a ser pensado um ano antes a partir de um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de um estudante trans. 

“Nós temos um residente trans e ele fez o seu TCC sobre a atenção a essa população, que mostrou muitos gargalos, muitas falhas que nós temos na assistência. Aí surgiu a ideia de criar a linha de cuidado para a população LGBT”, diz.

Na linha de cuidado, além do próprio ambulatório, há a Residência Multiprofissional, a Residência Médica em Saúde da Família e Comunidade e algumas parcerias externas, como a desenvolvida pela universidade com a Faculdade Católica. O coordenador do ambulatório é o professor Rafael Soares.

O atendimento funciona por demanda espontânea: basta chegar e marcar.

Local: Faculdade de Enfermagem (Rua Dionísio Filgueira, 383, Centro de Mossoró)

Horários: Toda quarta-feira, a cada 15 dias

Ambulatório Trans e Travesti do Hospital da Mulher

Em Mossoró, além da Uern, o Hospital da Mulher Parteira Maria Correia inaugurou uma unidade de ambulatório trans no ano passado, numa parceria entre a própria Uern e a Secretaria de Saúde Pública (Sesap).

Foto: Sesap/Divulgação

O ambulatório segue a linha de cuidado que já é adotada pelo Ambulatório LGBTQIA+, da Faculdade de Enfermagem (Faen/Uern). A equipe multidisciplinar que atua no Ambulatório LGBTQIA+ também atenderá no Hospital da Mulher.

O espaço oferece atendimento de medicina da família, com os profissionais das residências multiprofissionais da Uern, além de ginecologia, urologia, endocrinologia, psiquiatria, dentre outras especialidades que são necessidades desse público.

O acesso aos serviços é regulado através das Unidades Básicas de Saúde (UBS) dos municípios abrangidos pelo Hospital da Mulher, e do ambulatório LGBTQIA+, da Faen.

O fluxo de atendimento acontece através de um primeiro atendimento com a equipe multiprofissional, seguido do retorno para consulta médica e outros atendimentos conforme a necessidade. O agendamento é feito por meio de um link (confira abaixo). Após a solicitação do agendamento, o Núcleo de Interno de Regulação do hospital entrará em contato com o usuário para informar o dia de seu agendamento através do telefone ou email.

Local: Av. Prof. Antônio Campos, bairro Pres. Costa e Silva, Mossoró (ao lado do campus da Uern)

Horários: segunda a sexta, das 7h às 17h

Como marcar: formulário do Google Forms

Ambulatório Trans da UFRN

O mais novo da lista, o Ambulatório Trans da UFRN será inaugurado em fevereiro de 2024, estando disponível para servidores, servidoras e estudantes.

No local, além do acolhimento, serão ofertados os serviços de assistência social, clínica geral, enfermagem, endocrinologia, ginecologia, nutrição, psicologia e psiquiatria. Também haverá atividades de promoção à saúde física, saúde mental e ações de conscientização e combate à discriminação.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.