MP recomenda que licitação dos ônibus tenham acessibilidade
Natal, RN 26 de fev 2024

MP recomenda que licitação dos ônibus tenham acessibilidade

2 de fevereiro de 2024
2min
MP recomenda que licitação dos ônibus tenham acessibilidade
Foto: Joana Lima/Secom

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou à Prefeitura de Natal que inclua expressamente no edital de licitação para a concessão e permissão de exploração do Sistema de Transporte Coletivo Urbano a necessidade de os veículos serem acessíveis a pessoas com deficiência. O documento foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (30).

A recomendação faz parte de um inquérito civil instaurado em junho do ano passado sobre a acessibilidade na licitação do transporte. O documento foi direcionado ao prefeito da capital, Álvaro Dias (Republicanos), e à secretária de Mobilidade Urbana (STTU), Daliana Bandeira.

O órgão deu um prazo de 30 dias para que a Prefeitura de Natal envie à 9ª Promotoria de Justiça a comprovação da implementação da medida recomendada. 

“A expectativa é que a recomendação seja acatada e que as mudanças necessárias sejam feitas para melhorar a qualidade do transporte coletivo em Natal”, informou o MP.

Com a medida, o MPRN busca garantir a inclusão e a mobilidade de todos os cidadãos, especialmente aqueles que utilizam cadeiras de rodas ou têm mobilidade reduzida. A acessibilidade é classificada como um direito fundamental.

Um decreto de 2004 do governo federal e a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência exigem que os serviços de transporte coletivo sejam acessíveis e que os profissionais sejam qualificados para atender pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. A Lei Brasileira de Inclusão reforça essa necessidade, considerando todos os aspectos do serviço de transporte como parte integrante da acessibilidade.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.