PF prende 3 suspeitos de envolvimento na fuga da penitenciária
Natal, RN 21 de abr 2024

PF prende 3 suspeitos de envolvimento na fuga da penitenciária

23 de fevereiro de 2024
3min
PF prende 3 suspeitos de envolvimento na fuga da penitenciária
Foto: reprodução

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

A Polícia Federal cumpriu, nesta quarta-feira (21), nove mandados de busca e apreensão nas cidades de Mossoró, Quixeré (CE) e Aquiraz (CE), contra possíveis envolvidos no fornecimento de apoio aos foragidos da Penitenciária Federal. Em Mossoró, foi cumprido um mandado de prisão temporária, medida pedida pela PF, como já mostrou a Agência SAIBA MAIS.

Mais outras duas pessoas também foram presas. Em Aquiraz, uma pessoa estava com mandado em aberto; já em outra residência no mesmo município, a PF encontrou drogas, resultando em uma prisão em flagrante. 

Foram apreendidos ainda telefones celulares e um veículo que, supostamente, teria sido utilizado no auxílio aos criminosos para fornecimento de armamento a ser empregado na fuga.

Além do inquérito policial, a cargo da PF, permanece em andamento a operação de recaptura, integrada pela Secretaria Nacional de Políticas Penais, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Secretaria de Administração Penitenciária do Rio Grande do Norte, Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Norte, representada pela Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. 

Ainda há o reforço de 100 homens, 22 viaturas e um ônibus da Força Nacional de Segurança Pública, além de policiais dos estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Goiás.

O efetivo da Força Nacional, formado por policiais e bombeiros militares que já integram a Força, atuará por 30 dias no município potiguar. No entanto, as buscas não possuem prazo para serem finalizadas.

O trabalho de busca e captura será realizado em todo o território, que é composto por matas, zonas rurais e áreas de grutas. As estradas da região estão sendo monitoradas pela PRF.

No momento, estão em curso investigações administrativas para apurar eventuais cúmplices na fuga. As apurações estão sob o comando do secretário nacional de Políticas Penais, André Garcia. A Polícia Federal também abriu investigação criminal.

A procura por Rogério da Silva Mendonça (conhecido como Tatu) e Deibson Cabral Nascimento (o Deisinho) já chega ao 10º dia, desde que escaparam por volta das 3h da madrugada da quarta-feira de cinzas (14).

Nesta semana, a Defensoria Pública da União (DPU) ainda recomendou o uso de câmeras corporais por todos os agentes policiais envolvidos nas buscas pelos fugitivos. A DPU também pediu a realização imediata de exame de corpo de delito e audiência de custódia após a captura.

SAIBA MAIS: Homem suspeito de ajudar fugitivos de Mossoró é preso

SAIBA MAIS: Agentes devem usar câmeras corporais na busca pelos fugitivos

Outra sugestão do órgão federal foi para ter o uso de câmeras corporais no transporte dos custodiados de volta à penitenciária e em eventual trajeto para realização do exame de corpo de delito e da audiência, caso não sejam realizados esses procedimentos nas instalações da própria unidade prisional.

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.