DER responsabiliza prefeitura por acúmulo de areia na João Medeiros
Natal, RN 23 de fev 2024

DER responsabiliza prefeitura por acúmulo de areia na João Medeiros

8 de dezembro de 2023
4min
DER responsabiliza prefeitura por acúmulo de areia na João Medeiros
Areia tomou conta de um trecho de 400m da estrada da redinha | Foto: José Aldenir

Ajude o Portal Saiba Mais a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Há mais de uma semana um trecho de 400 metros da Avenida João Medeiros Filho, conhecida como Estrada da Redinha, na Zona Norte de Natal, está tomada de areia. O problema se arrasta desde as fortes chuvas que caíram em Natal nos dias 27 e 28 de novembro. Uma limpeza foi realizada pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER/RN) entre os dias 1 e 6 de dezembro. Mas imediatamente depois, já na quinta (7), a areia voltou a invadir a pista. Moradores e motoristas têm sofrido com a lentidão no trânsito e comerciantes da região reclamam prejuízos.

A avenida, uma das principais vias que conectam a Zona Norte ao restante da cidade, é de responsabilidade estadual. Em nota, o DER esclareceu que “não possui responsabilidade direta sobre o ocorrido. Houve um rompimento de dutos em virtude de serviços realizados nas ruas próximas e, novamente, o material está sendo carreado para a via”.

Ainda de acordo com a pasta, a areia desce devido à ausência do sistema de drenagem e pavimentação das vias adjacentes, que são responsabilidade municipal. A nota afirma, ainda, que a manutenção por parte municipal é fundamental para que o material não escorra para a rodovia, como também para a durabilidade do asfalto.

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra) informou que fará a limpeza do trecho até o início da próxima semana. Segundo a pasta, a gestão municipal está tentando, em reuniões em Brasília, a liberação para projetos de drenagem e pavimentação dessas vias e, no momento, não existem orçamentos para as obras no local. 

Prejuízos 

Mesmo após uma semana das fortes precipitações em Natal, as consequências ainda afetam a Zona Norte. Segundo os moradores, é impossível andar no local. A “duna urbana” que se formou atrapalha o fluxo de veículos na via, que por consequência prejudica os bares, oficinas, restaurantes e todos os estabelecimentos que movimentam a economia local. 

A Av. João Medeiros Filho é uma das principais vias que liga quase todos os bairros da Zona Norte. Por ser a principal rodovia que dá acesso à Ponte Nova e à Praia da Redinha, o fluxo do trânsito na região é intenso. A Avenida também é repleta de estabelecimentos importantes para a economia local. Que vão desde escolas, bares, campo de futebol, postos de gasolina, oficinas mecânicas, pet shops, o Partage Norte Shopping e até a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). 

_______________________________________________________________________________

Essa reportagem faz parte do projeto "Saiba Mais de perto", idealizado pela Agência SAIBA MAIS, e financiado com recursos do programa Acelerando Negócios Digitais, do ICFJ/Meta e apoio da Ajor.

Leia também:

Projeto Saiba Mais de Perto combate "desertos de notícias" no RN

Tibau: Estudantes participam da maior feira de ciências do mundo

Aldeia Sesc Seridó reúne artistas de Caicó em Cortejo Cultural

Comerciante morre em acidente por buraco na Zona Norte de Natal

Coletivos independentes movimentam a sétima arte em Mossoró

Seridó: Aos 93 anos, Maria Albino faz doces para acolher pessoas

Depois te Conto: jovens da Zona Norte criam série independente de humor

Caatinga:  famílias vivem da natureza no Parque Nacional da Furna Feia

CMEI na Zona Norte realiza exposição inspirada em Ariell Guerra

Currais Novos: Congresso das Batalhas reuniu artistas de Hip Hop

Maior produtor de atum do RN não leva pescado à mesa areia-branquense

Caicoense transformou a dor do luto em homenagem para 40 mulheres

Como resiste o afroempreendedorismo do outro lado da ponte

Medalhista mundial de Taekwondo conheceu esporte em associação de Assu

“No Seridó a Reza é Forte” destaca indígenas e africanos no RN

Zona Norte: projeto da UFRN leva comunicação para escola pública

Em Ouro Branco, a preservação do patrimônio coloriu a cidade

Fábrica de polpa de frutas transforma vida de mulheres agricultoras

As chuvas fortes em Natal e o caos na Zona Norte

Com 74 anos, Manoelzinho produz telas em latonagem e fotocorrosão

Patu: Cineatro leva reflexão social a estudantes de escolas públicas

Redinha: trabalhadores seguem desamparados após 3 meses de protestos

Jornal impresso “Quinzenal” resiste há 19 anos em Caicó

MPRN terá ação do projeto Pai Legal na Zona Norte

Saudade estimula artista a eternizar história de Upanema em quadros

Advogada levou o sertão poético de Caicó para Paris

Serra do Mel: rádio comunitária leva o bem à Vila Amazonas

As mais quentes do dia

Apoiar Saiba Mais

Pra quem deseja ajudar a fortalecer o debate público

QR Code

Ajude-nos a continuar produzindo jornalismo independente! Apoie com qualquer valor e faça parte dessa iniciativa.

Quero Apoiar

Este site utiliza cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.